Como escolher um show de Tango em sua visita a Buenos Aires

As Melhores Dicas

Como escolher um show de Tango em Buenos Aires

Se pensarmos que a quantidade de espetáculos tangueiros é enorme, então o fato de escolher um show de tango em Buenos Aires pode não parecer uma tarefa tão simples assim.  Neste artigo tentamos responder as perguntas mais frequentes que recebemos no blog sobre o assunto. Trata-se daquelas pessoas que desejam assistir uma boa apresentação de tango, mas não sabem qual a melhor opção. Veja a seguir alguns fatores que podem influenciar a sua decisão:

Preço:

Um detalhe talvez pouco original, mas que pesa bastante na hora de se decidir por uma atração. Cada um sabe quanto está disposto a gastar, e pensando nisso existem possibilidades para todos os bolsos. Desde os shows mais simples e econômicos, como o Café Tortoni, até os mais sofisticados e caros tipo Rojo Tango, no Hotel Faena de Puerto Madero, sem esquecer-se das propostas intermediárias e mais procuradas pelo público brasileiro, com valores a partir de USD 55,00 (sem jantar).

Localização:

Tirando o Señor Tango, que está num bairro um pouco mais afastado e menos transitado (Barracas), o resto dos locais tangueiros encontra-se em regiões próximas ao centro de Buenos Aires. Desse jeito, e dependendo da localização da sua hospedagem, você pode escolher entre utilizar o serviço de transfer que a maioria dos locais já inclui no preço da entrada, ou ir e voltar por conta própria.

(Foto: prayitno)

Show de Tango em Buenos Aires (Foto: prayitno)

Tipo de espetáculo:

Outro fator importantíssimo e que faz toda a diferença. Sempre fazemos questão de mostrar as diversas nuances nos nossos artigos, já que a noite tangueira de Buenos Aires tem muito para oferecer. Tudo vai depender do gosto do interessado.

(Foto: Christian-Haugen)

Show de Tango em Buenos Aires (Foto: Christian-Haugen)

Muitas casas portenhas foram especialmente construídas ou reformadas para a apresentação de espetáculos de tango (como por exemplo, Tango Porteño, Madero Tango ou Sabor a Tango). Ao mesmo tempo, outras foram testemunhas do nascimento e o crescimento da tradicional dança argentina desde que foram inauguradas (o Café Tortoni, El Viejo Almacén, Esquina Homero Manzi, Café de los Angelitos, etc.): ou seja, lugares onde o espirito e a tradição do tango continuam presentes.

(Foto: v1ctor)

Show de Tango em Buenos Aires (Foto: v1ctor)

O tipo de produção tem muito a ver na hora da escolha, já que algumas propostas estão exclusivamente focadas no tango tradicional, sem sair muito do roteiro. Outras combinam a irreverente magia do popular estilo com coreografias e cenografias bem mais ambiciosas e modernas. E por último, estão as requintadas casas que trazem de volta a época dourada e glamorosa do tango, com produções de alto padrão. Opções com certeza não faltam.

Aulas de tango:

Vários locais oferecem aulas gratuitas com os próprios dançarinos antes ou depois da apresentação. Para quem não tem experiência, ou pior ainda, habilidade para dançar, o tango pode resultar ou parecer um estilo difícil de dominar. Mas não se apavore, vale a pena, é divertido e ninguém vai conseguir tirar da sua memoria o fato de ter dançado tango… na terra do tango!

Traslados:

Os traslados desde os hotéis estão sempre inclusos naqueles pacotes comprados com antecedência. Costumam recolher os passageiros na porta do seu lugar de hospedagem e deixá-los no mesmo ponto após a finalização da função. Buenos Aires não é uma cidade violenta, mas também pode não ser muito seguro circular pelas escuras ruas após da meia noite. Para que se arriscar?

Crianças:

Uma dúvida muito frequente: as crianças e menores de idade podem ingressar num show de tango em Buenos Aires? A resposta é sim, já que o conteúdo dos diversos espetáculos pode ser considerado apto para todas as idades. Só é preciso confirmar previamente com a casa escolhida, pois o valor do ingresso não é o mesmo: dependendo do lugar, as crianças de até 3 anos não pagam ingresso e aquelas entre 4 e 8 anos têm um desconto de 50%.

Jantar:

A maioria dos shows portenhos oferece jantar, que é opcional. E mesmo sabendo que a culinária da capital argentina é gentil e tentadora, devemos fazer jus à verdade e reconhecer que, em alguns casos (não todos), o nível da cozinha dos redutos tangueiros pode não estar no mesmo patamar que os restaurantes mais badalados da cidade.

O jantar é servido a partir das 20 ou 20.30h e as funções só começam depois das 22h. Em teoria, o tempo é suficiente para poder comer tranquilamente. Mas qualquer atraso involuntário, seja por parte do cliente, do traslado ou da casa, pode reduzir consideravelmente esse tempo.

A variedade dos cardápios varia de uma casa para outra, mas logicamente as opções estão limitadas a umas poucas entradas, pratos principais e sobremesas.

Show de Tango em Buenos Aires

Um contratempo presenciado com frequência: o enorme bife de Chorizo, adorado por um grande número de turistas estrangeiros e que muitas vezes não está bem cozido por dentro. Segundo as suas preferências, é um detalhe mais do que importante: nem sempre os garçons vão ter tempo de levar o prato de volta para a cozinha e trazê-lo rapidamente. Sua refeição vai ficar pela metade… e você pagou por isso.

E se decidir abrir mão do jantar, não esqueça que quase todos os shows oferecem uma bebida de cortesia, ou até mais (veja senão o oferecimento do Madero Tango).

Outra pergunta que às vezes recebemos e que ainda pode causar surpresa considerando que já estamos em 2015, é em relação ao cigarro: embora a típica figura do compadrito do tango (o malandro) sempre esteja carregando um copo e um cigarro, fumar está proibido em todos os espaços fechados de Buenos Aires. Do mesmo jeito que no Brasil.

Gorjetas:

Um costume bem típico dos portenhos e nem sempre bem recebido pelos turistas brasileiros: a gorjeta. Mas não é um hábito novo (nem foi pensado para incomodar unicamente aos viajantes que visitam Buenos Aires), e ainda tem a sua história.

Entre os anos de 1950 e 1980 a gorjeta esteve “disfarçada” dentro do chamado laudo, que era o equivalente à caixinha brasileira, só que no lugar de ser de 10% era o dobro (20%). Todo freguês devia pagar o laudo que já vinha incluída na conta.

Por lei, o laudo desapareceu… mas apareceu o serviço de mesa (que não vai parar nos bolsos dos funcionários, para falar a verdade) e a gorjeta continuou firme e forte até hoje. E nenhum show de tango em Buenos Aires está livre disso! Quanto deixar de gorjeta? A decisão é sua, mas o habitual é o 10%.

Comprar com antecedência:

É o mais recomendável, prático e seguro, e você tira da cabeça a preocupação de achar ingressos ou não. Ao chegar ao local do espetáculo, basta apresentar o voucher e ingressar. Mas logicamente ainda é possível comprar as entradas no mesmo dia, só não deixe isso para a última hora.

 

Fonte: brasileirosporbuenosaires.com.br

 

Faça seu orçamento agora!
Pedir Orçamento

67 3321-0002

 Agência de Viagens e Turismo em Campo Grande – MS

Gostou? Compartilhe com seus amigos